Arquivo da tag: Ciclismo

14º Volta à Ilha irá agitar os ciclistas em Vitória

Está chegando mais um evento que vai colocar a galera de bike nas ruas de Vitória: o 14º Volta à Ilha, que acontecerá no próximo dia 19 de Julho.

A concentração do evento será na praça dos Desejos, próximo ao ponto do BikeGV à partir das 13hs e a saída será às 14hs. Dali, a caravana seguirá pelo Centro, Santo Antônio, São Pedro, Camburí e finalizando no local de partida.

Confira mais detalhes do evento na página oficial do Facebook: https://www.facebook.com/events/1615307865386040/

Anúncios

A vida por um fio

As semanas que antecedem a chegada do inverno são normalmente frias e com bastante vento. Começa normalmente no final de Maio e se estende até Setembro. É nesse período que muitas crianças e adolescentes (e até gente mais crescida) se joga nas ruas dos bairros da cidade para soltar pipas. Um convite ao perigo.

No dia 09 de Junho, no retorno de bike do trabalho, quase 18hs, após sair da ciclovia na Ilha do Príncipe, em Vitória, em direção à Santo Antônio, passando pela frente da rodoviária, fui surpreendido por uma linha de pipa cortando meu pescoço. Os reflexos foram rápidos para mover a cabeça para trás e empurrar a linha com cerol antes que ela cortasse meu pescoço, mas não o suficiente para não ganhar um corte nos dedos. No movimento que precisei fazer com a cabeça para trás, perdi o controle da bicicleta e caí, ganhando algumas dores nas juntas das mãos, uma corrente fora do lugar na bicicleta e as duas rodas empenadas, mas nada de mais grave.

Foto tirada no dia do acidente, a linha passou perigosamente no pescoço
Foto tirada no dia do acidente, a linha passou perigosamente no pescoço
No dia seguinte, a marca parecia um queimado na pele
No dia seguinte, a marca parecia um queimado na pele

Muitos motoqueiros sofrem acidentes todos os anos devido a essa brincadeira perigosa e que é proibida. Usar cerol em linha de pipa pode custar vidas, por isso, oriente seu filho, parente, amigo ou conhecido a brincar de forma saudável e sem colocar em risco a vida dos outros.

E você? Já teve uma experiência desse tipo? Compartilhe conosco.